Siga-me

sábado, 12 de outubro de 2013

O levita quando impunha e seu louvor




O levita quando impunha

(Nova Friburgo/15/07/03)

O levita quando impunha

Louvor em forma de cunha

Faz do seu instrumento

Um especial “armamento”

Ele “aniquila” a maldição

E faz notável a Tua bênção

Se for sábio

Ensina ao povo

Um hino lindo
E todo novo

Mas, se for néscio

Entorpece

A congregação

Que envelhece

E a presença ele “elimina”

De Sua glória celestina

E como um músico Tu o evita

Pois não é mais um levita.


 De Marcelo Gesta